Por que o tijolo
é Ecológico?

Saiba mais, como e o porquê

Com a importância da sustentabilidade tão em voga, a construção não pode ficar de fora. Além de todas as suas vantagens, o tijolo ecológico se destaca como uma alternativa sustentável, pois evita a degradação ambiental causada pela fabricação de tijolos convencionais (cerâmicos) e a emissão de CO2 na atmosfera.

O TIJOLO ECOLÓGICO é fabricado por um processo bem diferente do tijolo convencional. Veja a comparação a seguir:

Tijolo convencional

De forma resumida, vamos apontar o ciclo de destruição da natureza para se produzir os tijolos convencionais (cerâmicos). A extração de argila dos mananciais, o desmatamento para retirada de lenha e a emissão de gases tóxicos na atmosferasão alguns exemplos. Só no Brasil, se produz em média 2,5 bilhões de peças de cerâmicas por mês, o que significa que 98,7 milhões de m³ de argila são retirados de mananciais mensalmente. Isso destrói de forma definitiva várias fontes de água doce, deixa de abastecer os lençóis freáticos, causa erosão e altera o comportamento da fauna e flora.
Após a argila ser industrializada, os artefatos fabricados são queimados em fornos que usam madeira como combustível, retirada muitas vezes de desmatamentos clandestinos. Em média 17 milhões de árvores de médio porte são derrubadas mensalmente, ou seja, para cada milheiro produzido de 8 a 12 árvores são derrubadas.
O volume de árvores queimadas mensalmente gera 2,3 toneladas de CO² que são emitidas indiscriminadamente na atmosfera, causando doenças respiratórias e contribuindo para o aumento do aquecimento global.

Tijolo Ecológico

O Tijolo Ecológico não utiliza nenhuma das práticas acima, pois para ser produzido utiliza-se apenas solo, cimento e umidade.
Úmidade
Cimento
Solo
Tijolo ecológico
Para seu endurecimento (cura) utiliza-se apenas água.
Cura por aspersão
Cura por imersão
Cura manual
Tijolo curado
A redução nos impactos ambientais com o Tijolo Ecológico ainda pode ser bem maior, pois ele também pode ser produzido utilizando resíduos da construção civil, industriais e até orgânicos.

Resultado

O nome tijolo ecológico se dá, pois, para sua produção não há desmatamento e degradação do meio ambiente, não destrói mananciais com a retirada de argila e seu processo de endurecimento é feito por meio de cura (molha). Assim, toda a água utilizada é devolvida através da evaporação, eliminando o uso de fornos para a queima de madeiras e evitando que toneladas de gases tóxicos sejam lançados na atmosfera.

VALE A PENA JUNTAR-SE A NÓS!

Em resumo: o tijolo ecológico é melhor porque a cada milheiro produzido:

– Nenhum manancial (fontes naturais de abastecimento de água) é destruído;
– Deixa de derrubar e queimar de 8 a 12 árvores de médio porte;
– Não emite gases poluentes (CO2) na atmosfera;
– Contribui para o aumento da renda e oferta de emprego;
– Possibilita construções ECOLÓGICAS, belas, rápidas e econômicas.

Lembre-se das vantagens dos blocos, tijolos e pisos ecológicos e divulgue essa ideia!

Rolar para cima
eco-post-07 POP UP 3